Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Letras Aventureiras | Por João e Luís Jesus

De João Jesus e Luís Jesus, nomeados os mais jovens escritores portugueses em 2016.

16
Ago16

"Bolhas de Espuma"

João Jesus e Luís Jesus

Tudo começou numa tarde de Verão na praia de São Rafael, no Algarve.

Mónica, uma rapariga que gostava muito de nadar, estava a bronzear na sua grande toalha laranja. Ela já estava “preta” de tanto bronzear, mas ainda queria ganhar mais uma corzinha na pele dela, que era branca como a dos vampiros no Inverno.

Ela sentou-se na sua toalha, espreguiçou-se mais uma vez e esticou a mão para o seu saco de praia. Ela agarrou no frasco do óleo bronzeador e no pacote das pastilhas elásticas de sabor a melancia.

Ela tirou duas pastilhas do pacote e deitou-as à boca. Pegou no frasco do óleo e esfregou pela centésima vez aquela mistela na sua pele.

Mónica gostava muito de saber a vida dos outros e agarrou no seu telemóvel. Ela conectou-se ao Facebook e rapidamente, recebeu uma chamada da sua melhor amiga, Isabel.– Olá! – Disse ela, atendendo a chamada– Olá Móni! Como vão as férias em Albufeira? – Perguntou Isabel– Vão bem! – Respondeu ela – Ai! Quem me dera ficar aqui para sempre a bronzear e a nadar!– Mostra-me o teu bronze, please! – Implorou a IsabelMónica virou o telemóvel para que Isabel visse o seu corpo bronzeado. Isabel deu um guincho de alegria.– Quem me dera estar aí! – Suspirou Isabel– Já somos duas. – Revelou a outraIsabel calou-se por momentos.– E rapazes? – Perguntou IsabelMónica calou-se. Ela já estava em Albufeira há duas semanas e ainda nenhum rapaz se aproximara dela. Nem um!– Ainda nenhum! – Respondeu Mónica envergonhadaIsabel ficou perplexa! Ela e Mónica eram populares, mas Mónica nunca tivera nenhum namorado.– Então vê se vais começando a procurar algum, porque daqui a pouco estás cá outra vez! – Avisou Isabel– Passo muito bem sem rapazes! – Disse elaIsabel ficou ainda mais calada.– Ok! Então até um dia! – Disse Isabel contrariada e desligou a chamadaMónica não percebia o porquê de Isabel só querer ser amiga de alguém que tivesse namorado.Ela arrumou o telemóvel e voltou a abrir a sua revista cor-de-rosa que estava perto de si.Quando a abriu, Mónica foi surpreendida por uma bola que lhe caiu em cima.– Ai! – Gritou ela enervada– Desculpa! – Disse um rapazUm rapaz aproximou-se de Mónica e agarrou na bola.– Estávamos ali a jogar vólei e eu sem querer atirei a bola para longe! Desculpa! – Desculpou-se eleMónica olhou para o rapaz. Ele era alto, moreno, tinha olhos verdes e tinha um cabelo castanho muito desarrumado. Mónica corou! Ela achava-o bonito!– Não faz mal! – Disse ela estendendo-lhe a mão – Sou a Mónica.O rapaz apertou-lhe a mão com força.– Sou o Tomás. Prazer em conhecer-te. – Disse ele sorrindoMónica sorriu e olhou para os seus abdominais. Ela ficou ainda mais corada.– Queres ir dar um mergulho? – Perguntou eleMónica pensou bem na oferta.– Ok! – Disse ela – Já estava a fritar!Tomás riu-se. Ele atirou a bola de vólei para o seu grupo de amigos e correu para o mar.Mónica atirou os seus óculos de sol e chapéu para a sua toalha e correu atrás de Tomás. Ele era muito rápido, mas Mónica também corria muito.Mal Tomás chegou perto do mar, agarrou numa prancha que estava espetada na areia. Ele atirou-se imediatamente para a água.Mónica fez o mesmo e nadou até ele. A água estava morna.– És surfista? – Perguntou ela– Sim! Adoro água. – Disse ele– Eu também adoro água! Já venci vários campeonatos de natação na minha escola! – Revelou Mónica– Sabes surfar? – Perguntou Tomás– Não!– Anda cá! Eu ensino-te! – Disse eleMónica saltou para cima da prancha de Tomás. Ele ajudou-a a equilibrar-se e ensinou-lhe algumas coisas. Ele subiu para perto dela.Tomás pôs-se por trás dela para a ajudar a equilibrar-se melhor. Mas Mónica escorregou e quase caía à água, mas Tomás conseguiu agarrá-la. Eles olharam-se nos olhos e Mónica beijou Tomás. Foi um beijo demorado. Quando acabou, Mónica reparou que os lábios de Tomás sabiam a sal.Tomás riu-se e atirou-se para a água com Mónica. Eles nadaram e nadaram. Os dois estavam mesmo apaixonados.E o rasto deixado pelo amor dos dois, era um rasto de bolhas de espuma!

assinatura jj

Mais sobre nós

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

João Jesus

Chamo-me João Jesus. Sou escritor e blogger! Sou português e habito num concelho do distrito de Vila Real! A leitura, a escrita e o filme são as minhas grandes paixões.

letrasaventureiras@sapo.pt

Luís Jesus

Chamo-me Luís Jesus. Sou ilustrador e blogger. Adoro ilustração e tecnologia. Apesar de ser ainda novo, o meu sonho é licenciar-me em engenharia informática e visitar países como a Austrália, Singapura, China e EUA.

letrasaventureiras@sapo.pt

Direitos de Autor

Plágio é CRIME! Não me importo que utilizem os meus textos desde que os identifiquem com o nome pelo qual os escrevo ou o link do blogue. As fotografias que utilizo são retiradas da internet, no entanto, se houver alguma fotografia com direitos de autor: estes não serão esquecidos. Obrigada!

Autora do Banner

DESIGNED BY JOANA ISABEL